fbpx

PSICOLOGIA ECONÔMICA

Facebook
Twitter
LinkedIn

Em minha opinião a “cereja do bolo” da Economia é a “Economia Comportamental” (ou “psicologia econômica”). Se você entende-a de verdade, consegue se sair bem não somente compreendendo economia, mas em sua vida pessoal, nos seus negócios e nos seus investimentos. Todos nós avaliamos o Mundo e acontecimentos com base em uma “grossa lente” pessoal, que é feita baseada em experiências passadas, crenças, educação, meio social, fatores de confusão, etc. E pode ter certeza, enxergamos tudo muito DISTORCIDO do que de fato é! Chamamos isso de “vieses e heurísticas” quando levamos essas distorções para o processo de tomada de decisão dentro do estudo da economia comportamental.
.
Basicamente os VIESES são limitações humanas no processo de DECISÃO. São inúmeros, mas abaixo cito 2 correlacionados com a fala da imagem deste post:
.
1⃣ HEURÍSTICA DE DISPONIBILIDADE: Os julgamentos são afetados pela facilidade de se lembrar de exemplos ou pela frequência com que tais eventos são EXPOSTOS, em vez de se referir em proporção verdadeira à frequência com que OCORREM. (Um médico que viu muitos casos de um tipo raro de câncer achar que aquilo é comum OU um investidor que nunca passou por uma crise econômica global achar que crises globais não existem mais).
.
2⃣ PERCEPÇÃO SELETIVA: As pessoas tendem a ver o que ESPERAM ver, desprezando exemplos em contrário a essas expectativas e buscando verificar apenas o que as confirme, em vez de verificar ANOMALIAS. (Quando você lê um texto enorme que discorda do que você pensa, mas você foca em um único trecho isolado que dá para confirmar suas verdades antigas, apenas para se sentir confortável.)

Posts relacionados: